Avaliando os websites de transparência orçamentária nacionais e sub-nacionais e medindo impactos de dados abertos sobre direitos humanos no Brasil (2014)

15/07/2014, às 9:50 (atualizado em 28/06/2023, às 15:30) | Tempo estimado de leitura: 1 min
Pesquisa sobre dados abertos do Inesc, desenvolvida em parceria Gpopai-USP e financiada pela Web Foudation, investigou sites das 27 capitais brasileiras, do governo federal e do Senado. Além de escutar representantes de organizações da sociedade civil, do governo, da academia e da mídia.

Pesquisa sobre dados abertos do Inesc, desenvolvida em parceria Gpopai-USP e financiada pela Web Foudation, investigou sites das 27 capitais brasileiras, do governo federal e do Senado. Além de escutar representantes de organizações da sociedade civil, do governo, da academia e da mídia.

Imprima aqui o PDF

Licença Creative Commons
Avaliando os websites de transparência orçamentária nacionais e sub-nacionais e medindo impactos de dados abertos sobre direitos humanos no Brasil de Inesc – Instituto de Estudos Socioeconomicos (Nathalie Beghin e Carmela Zigoni, organizadoras) está licenciado com uma Licença Creative Commons – Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Downloads

Avaliando os websites de transparência orçamentária nacionais e sub-nacionais e medindo impactos de dados abertos sobre direitos humanos no Brasil

Download

Categoria: Publicação
Compartilhe

Conteúdo relacionado

  • Gastos com educação nos estados e no DF (2...
    Neste estudo, o Inesc analisa os gastos com…
    leia mais
  • Subsídios às fontes fósseis e renováveis (...
    O Inesc monitora os subsídios federais aos combustíveis…
    leia mais
  • Subsídios aos combustíveis fósseis crescem...
    A sexta edição do estudo sobre os subsídios…
    leia mais
  • Cartilha Vivências em Orçamento e Direitos...
    Esta cartilha nasce com objetivo de que o…
    leia mais
  • Foto: Inesc | Thays Puzzi
    Inesc reforça necessidade de ampliar orçam...
    Análise feita pelo Inesc (Instituto de Estudos Socioeconômicos)…
    leia mais

Cadastre-se e
fique por dentro
das novidades!